segunda-feira, janeiro 15, 2007

Cavaco e Luís Amado, as duas faces de Alberto Costa

Soube, pelo António Manuel Venda que navega no seu Floresta do Sul que a Cavaco Silva tinha sido atribuído, em Goa, um Doutoramento (ainda que honoris causa) em Literatura. Um Mann por um More. Uma censura por Saramago. Que se lixe! Como se dizia no século XVII: quem foi a Goa, escusa de ir a Lisboa!

Estava para o dizer há muito. Trata-se de um dos melhores blogs que consulto amiúde. É de Paulo da Costa Domingos e da frenesi. Vale a pena ir lá e ler o excelente artigo de PCD «Um Casal Ventoso» sobre Ana Gomes e Luís Amado e os tais voos da CIA.

O Alberto Costa afirmou que tinha uma febre reformista igual à de Cavaco? Não. Acho que não disse. Ou disse? Ou estamos todos alucinados? Ou precisamos todos de alucinar, mesmo?
Enviar um comentário