sexta-feira, dezembro 01, 2006

Eduardo Prado Coelho escreve sobre Filipa Leal no Milfolhas desta semana. A ler

«Parece que Filipa Leal já tinha publicado dois livros de poemas, mas devo confessar que não fazia disso a mínima ideia. São eles "Lua Polaroid" e "Talvez os Lírios Compreendam". (...) Acaba de publicar "A Cidade Líquida e Outras Texturas", na Deriva. É um livro - gostaria de o dizer com a maior convicção - de grande qualidade e de extrema originalidade.
Se tivermos em conta aquilo que aparece com a poesia portuguesa mais perto de nós (onde predominam memórias esparsas, o lirismo difuso, uma certa vulnerabilidade), podemos afirmar sem hesitações que Filipa Leal tem uma personalidade fortemente demarcada. Fui muito surpreendido pelo indiscutível valor do seu livro mais recente. (...)» 1

1. Em breve o artigo de opinião de EPC completo

Eduardo Prado Coelho. Milfolhas, Público, 1 de Dezembro de 2006
Enviar um comentário